1. Os profissionais do futebol continuam assustando os dirigentes amadores e até mesmo a imprensa. Após a eliminação do Red Bull Bragantino da Libertadores, após perder por 3×0 para o Nacional do Uruguai, parte da imprensa esportiva especulava a demissão do treinador Mauricio Barbieri. Já no vestiário, o gerente de futebol do Bragantino, disse que Mauricio Barbieri, faz parte do projeto criado pela empresa e que continua como treinador. Segundo o pessoal da Red Bull, quando se alcança o sucesso não é mérito só de um, mas de todos e quando se fracassa, não é culpa só de um, mas de todos. E os dirigentes profissionais continuam goleando os amadores…

2. Rapaz, “ergo sum at bagus plenus”, com essas histórias de convocação da seleção brasileira, a imprensa mineira e a torcida do Galo, reclamam da não convocação de Hulk para os amistosos contra o Japão e a Coreia agora em junho. A imprensa paulista e a torcida do Palmeiras reclamam da convocação de Danilo, que vai desfalcar o Palmeiras em três partidas, para dois jogos fracos, contra o Japão e a Coreia. Se não convoca, reclamam, se convoca, reclamam. Depois quando perde a Copa, dizem que a seleção não se preparou adequadamente. Se por um motivo qualquer, a seleção vencer o Mundial do Catar, com Danilo e o valor do passe dobrar, os dirigentes vão amar. Povo doido.

Marcelo tem futuro indefinido no Real Madrid. Foto: Real Madrid CF

3. Especulado por diversos clubes, o lateral Marcelo do Real Madrid, tem repetido para alguns repórteres que vai continuar no clube merengue. Um programa da TV espanhola, chamado ‘El dia despues’, que costuma fazer leitura labial de personalidades em diferentes tipos de eventos, decifrou uma conversa de Marcelo com Lucas Vázquez no banco de reservas do Real Madrid no jogo contra o Betis pelo campeonato espanhol. Segundo a leitura labial, Marcelo teria dito “Por que eles não vão renovar comigo. Eu tenho sido um puta exemplo”. Lucas Vázquez teria respondido. “É incrível tio, não sabemos… Mas não é fácil no momento”. Tio é ótimo.

4. Na derrota do Fortaleza para o Fluminense por 1×0, houve um momento em que o atacante Moisés, do Fortaleza, parou a jogada quando o zagueiro Nino do Fluminense, que disputava a bola com ele, parou em campo, devido a uma distensão muscular. Alguns elogiaram o ‘fair play’ do jogador do Fortaleza e muitos o criticaram pela solidariedade ao companheiro de profissão. Na partida Colo Colo 3×4 Fortaleza, que garantiu a classificação do time cearense para as oitavas de final da Libertadores, Moisés foi recompensado e marcou dois gols. Fica a lição, ser generoso, elegante e solidário ante mesmo de um adversário, é um gesto de demonstração de caráter e companheirismo.

5. A Roma de José Mourinho, venceu o Feyenoord por 1×0 e conquistou o mais recente torneio da Uefa, chamada Liga da Conferência, para alguns, da terceira divisão da entidade. A final foi disputada em um ‘campo acanhado’, em Tirana, na Albânia. Esse é o primeiro título europeu da Roma e o 25º na carreira de Mourinho. Com bom humor, Mourinho comentou que título de ‘terceira divisão’, também é título e que ele agora, têm títulos da primeira, segunda e terceira divisão da Uefa. Por enquanto é o único.

6. Depois de idas e vindas e muita controvérsia, Deyverson, deixou o Palmeiras. O atacante foi liberado pelo clube antes do final do contrato e pediu desculpas para seus ex-companheiros pelas ‘merdas’ que fez e agradeceu por ter sido abraçado por eles.

7. O governo britânico aprovou a venda do Chelsea para o grupo americano Clearlake, por o equivalente a R$ 26 bilhões. O ex-dono do Chelsea, o russo Roman Abramovich não receberá uma libra sequer, pois o dinheiro foi confiscado pelo governo inglês como sanção ao fato de supostamente, Abramovich ser apoiador do governo russo. Animado com os valores da venda do Chelsea, o presidente do Fluminense viajou na maionese e declarou que em caso de futura SAF no Fluminense, o valor do clube não será inferior a R$ 4 bilhões de reais. Tanta gente desnecessária no futebol.

8. O atacante argentino Julian Alvarez, vendido ao Manchester City, se despediu do River Plate em grande estilo. Na goleada do River sobre o Alianza de Lima, por 8×1, Julian marcou 6 gols. Aos 22 anos de idade, Julian não jogará pelo River no mata-mata da Libertadores. Noite inesquecível para Julian e a torcida do River Plate.

9. Um avião que levará os campeões mundiais de 1986, ao Mundial do Catar foi apresentado na Argentina. O avião é customizado com imagens de Maradona, possui um sistema de inteligência artificial que permite ‘conversar’ com o ídolo. Os passageiros poderão desfrutar de um papo intimista. Sinta-se livre para perguntar. “Deus ouve e responde sempre”, garante o site do avião. Dizer o que?

Foto da capa: Cesar Greco/SE Palmeiras

Disclaimer
“All opinions and commentaries expressed by the participants in this interview are solely their personal current opinions and comments and do not reflect the opinions of A NOTICIA USA, their employees, business partners, directors, or affiliates, and may have been previously disseminated by them. The interview participants` opinions are based upon information they consider reliable, but neither A NOTICIA USA nor its affiliates, warrant its completeness or accuracy, and it should not rely upon as such”.

Alfredo Melo

By Alfredo Melo

De texto fácil e cativante, Alfredo Melo é uma enorme criatura no sentido literal do termo, além de ser um profundo conhecedor do futebol e tem também a paixão e o sofrimento pelo Botafogo, cada dia maior... *Este texto não reflete, necessariamente, a opinião de A Notícia USA

Leave a Reply

Your email address will not be published.