Ivete Sangalo é uma das mais destacadas cantoras brasileiras na atualidade. Foto: Divulgação

Falta pouco para os brasileiros cantarem, dançarem e se divertirem junto com a aniversariante da semana, Ivete Sangalo. Nesta sexta, dia 27, data em que completa 50 anos, Ivete fará um show histórico em sua cidade natal, Juazeiro, na Bahia, onde dividirá sua comemoração com o público. Mas não apenas os conterrâneos da baiana terão a chance de curtir a noite: a festa será transmitida no canal internacional da Globo e no Multishow, com apresentação de Érico Brás.

O show no canal internacional da Globo vai ser exibido logo após ‘Pantanal’. E a transmissão segue no Multishow, canal disponível nos EUA e Canadá no Globoplay, também ao vivo, a partir das 9.30 PM (horário de New York).

A apresentação faz parte da turnê “Tudo Colorido”, que passeia pelos 28 anos de trajetória artística de Ivete Sangalo trazendo a mistura como elemento principal e um palco repleto de sons, cores e movimentos. O repertório tem canções autorais de seu mais recente álbum, sucessos como “Tá Solteira, Mas Não Tá Sozinha”, “Não Pode Parar” e “Dura Na Queda”, além de clássicos que marcam sua carreira. As performances são acompanhadas pelo sincronismo de som, luz e animações visuais, oferecendo uma experiência completa ao público.

Para Érico Brás, que comandará o ‘Especial Ivete 50 anos’ diretamente de Juazeiro, este será um momento único na vida da cantora e de todos que a acompanham há tantos anos. “Estar na celebração do aniversário de Ivete Sangalo é como estar em uma celebração da arte no Brasil. Ivete é uma cantora que leva a música baiana para todos os lugares e levou consigo a música brasileira para o mundo. A minha expectativa não pode ser menos que positiva demais. Vai ser um grande show. Quando recebi o convite para apresentar a transmissão, de imediato preparei minha mente e meu espírito para que eu seja fogos no meio dessa celebração, que é tão merecida e, segundo a minha intuição, vai ser uma das melhores festas que a gente já fez”, vibra. 

Érico não poupa elogios à Ivete e detalha sua admiração pessoal pela artista: “A minha relação com Ivete começa como fã. Eu a vi cantar nos trios elétricos de Salvador e, depois, tive o prazer de entregá-la o Troféu Dodô e Osmar, que premia os melhores do carnaval. Aquela foi a primeira vez que nos encontramos. Depois, nos vimos nos Estúdios Globo e nos cumprimentamos como colegas de trabalho, ela recebeu meu elogio e automaticamente retribuiu, em uma relação muito recíproca. Ivete Sangalo, para além de conseguir executar com seu talento e competência a arte que se propõe a fazer, é um verdadeiro objeto de projeção da arte brasileira. Me lembro muito bem do show marcante que ela fez no Madison Square Garden e de, ao vê-la cantar, pensar: realmente, essa mulher vai onde o vento soprar”.

Foto da capa: Divulgação

Disclaimer
“All opinions and commentaries expressed by the participants in this interview are solely their personal current opinions and comments and do not reflect the opinions of A NOTICIA USA, their employees, business partners, directors, or affiliates, and may have been previously disseminated by them. The interview participants` opinions are based upon information they consider reliable, but neither A NOTICIA USA nor its affiliates, warrant its completeness or accuracy, and it should not rely upon as such”.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *