Você sente que fazer educação nutricional não está “funcionando” como queria? Pode ser porque você precisa desaprender alguns conceitos errôneos⁠.

A mídia social pode ser um lugar fantástico para se conectar, crescer e aprender, mas não é um conselheiro individual, sendo assim as informações podem ser apresentadas de uma maneira que não serve para você. 

Freqüentemente, trabalho com pacientes que estão cientes da abordagem da Educação Nutricional e até já tentaram implementá-la por conta própria, mas ainda se sentem inseguros. Eles temem que isso não “funcione” para eles e se sentem seguros comendo restritivamente. Pouca comida = ser magro.⁠

Quando vamos mais fundo, encontramos os obstáculos que os impedem de comer com confiança e se sentir bem. Freqüentemente, eles se apegam a conceitos errôneos sobre a educação nutricional como: ⁠

🔸️Só coma quando estiver com fome e pare quando estiver satisfeito⁠

🔸️Toda refeição deve ser perfeitamente satisfatória, você deve sempre comer até satisfazer seus desejos⁠

🔸️ Comer com educação tem tudo a ver com comer só o que você gosta

🔸️Você não pode ter uma programação ou refeições pré-planejadas, essas são as regras da dieta⁠ restrita 

🔸️ Você vai perder peso muito devagar se comer com educação nutricional… você ter que ter muita paciência 

⁠Em qual destes conceitos você acredita?

Se você deslizar os slides, entenderá por que cada um desses equívocos o mantém preso à culpa, ao stress e ao caos devido à comida. É claro que a educação nutricional não vai funcionar se você não entender que esta é a única maneira correta de termos paz com a alimentação.

Quando identificamos em qual crença meu paciente está preso, podemos desafiá-lo passo a passo para que ele não se sinta mais preso e seja capaz de experimentar a experiência libertadora de comer + liberdade corporal.

Se você sentir que comer com educação não “funciona” para você, pratique desafiar o equívoco em que está preso e observe o que acontece.

Você é capaz de comer com educação porque nasceu com as habilidades para fazê-lo!

Se precisar de ajuda para descobrir onde você está travado (para que possa se soltar) e, finalmente, comer com paz + liberdade ligue no APO e vamos juntos chegar à raiz de suas regras alimentares, de suas culpas e stress para que você possa desfrutar da comida novamente e se sentir bem com saúde e felicidade…

Ana Paula Ornelas

By Ana Paula Ornelas

Ana Paula Ornelas é nutricionista e dirige o APO Nutrition and Health Center, que é afiliada a American Dietetic Association. Contato: 978.538-1313. Instagram: @aponutritionhealth *Este texto não reflete, necessariamente, a opinião de A Notícia USA

Leave a Reply

Your email address will not be published.