Sobe
Bia Haddad
A jovem tenista brasileira, que disputou a final do Aberto de Toronto e mesmo com o vice-campeonato, é a 16ª no ranking mundial do tênis feminino, a melhor colocação de um tenista brasileiro desde Guga Kuerten, que foi número 1 do mundo entre 2000 e 2001 

Desce
Coritiba e Ceará
São os clubes que neste fim de semana demitiram seus treinadores e começam de novo, até a próxima série de derrotas 

Como foi a rodada
O Palmeiras lidera a Série A com 48 pontos ganhos; o Flamengo é o 2º com 39 pontos ganhos; o Corinthians é o 3º colocado também com 39 pontos ganhos e fechando o G4, o Fluminense é o 4º colocado com 38 pontos ganhos. Na zona de rebaixamento estão o Avaí em 17º com 23 pontos ganhos; o Coritiba é o 18º com 22 pontos ganhos, também com 20 pontos o Atlético-GO é o 19º com 21 pontos ganhos e na lanterna está o Juventude que tem 16 pontos ganhos. No G4 da Série B, o Cruzeiro lidera com 53 pontos ganhos; o Bahia é o vice-líder com 43 pontos ganhos, o Grêmio é o 3º também com 43 pontos ganhos e o 4º colocado é o Vasco com 32 pontos ganhos. Na zona de rebaixamento estão o Guarani com 23 pontos ganhos em 17º; o CSA em 18º tem também 23 pontos ganhos; em 19º, o Náutico tem 21 pontos; e na lanterna está o Náutico também com 21 pontos ganhos.

Campeonato Brasileiro
Série A
22ª rodada
Sábado, 13 de agosto
Goiás 1 x 1 Avaí
Corinthians 0 x 1 Palmeiras
Cuiabá 1 x 0 Juventude
Botafogo 0 x Atlético-GO
Domingo, 13 de agosto
Coritiba 0 x 1 Atlético-MG
Flamengo 5 x 0 Athletico-PR
São Paulo 3 x 0 RB Bragantino
Ceará 0 x 1 Fortaleza
América-MG 1 x 0 Santos
Internacional 3 x 0 Fluminense

Série B
24ª rodada
Sexta-feira, 12 de agosto
Vila Nova 0 x 0 Londrina
Brusque 2 x 1 Ponte Preta
Bahia 2 x 0 Ituano
Operário 1 x 1 Sampaio Corrêa
Sábado, 13 de agosto
Vasco 3 x 1 Tombense
Sport 4 x 0 CSA
Cruzeiro 1 x 1 Chapecoense
Guarani 1 x 0 Náutico
CRB 2 x 0 CRB
Domingo, 14 de agosto
Novorizontino 3 x 1 Criciúma

Sem noção
Ao que parece a decadência chegou para Cuca. Um dos grandes treinadores brasileiros, com títulos importantes na carreira, Cuca tem sido infeliz quando enfrenta o Palmeiras. Perdeu a final de 2020, foi eliminado na semifinal em 2021 e nas quartas de final de 2022. Certamente, de todas a mais dolorida foi a deste ano, quando vencia por 2×0 no Mineirão e saiu com um empate. No Allianz Parque, se as coisas pareciam difíceis quando estava 11 contra 11, ficaram boas com 11 contra 10 e melhoraram ainda mais quando ficou 11 contra 9. Nem assim, Cuca soube ganhar como bem disse Alfredo Melo na coluna De Canela. A realidade é que no último jogo, Abel Ferreira levou a melhor taticamente contra Cuca que ficou sem saber como jogar para eliminar o Palmeiras e foi limado nas cobranças de pênaltis. No domingo, ainda sentindo o resultado adverso, Cuca criticou Abel, como se não houvesse nada mais importante para fazer. Isto ilustra bem, o pensamento tacanho de muitos treinadores brasileiros que preguiçosos não estudam, não se aprimoram, não se atualizam e acabam tentando acertar contas de modo indevido. Vão continuar sendo eliminados por muito tempo…

E por falar em Alfredo Melo, o ‘causo’ desta edição é da lavra dele.
Histórias da bola
A manha do Manteiga
Manteiga era um zagueiro central que jogou no Canto do Rio, na década de 40. Era um zagueiro botinudo, que dizia, que do pescoço pra baixo, tudo era canela. Passava o rodo sem a menor cerimônia. Manteiga tinha o hábito de cometer muitos pênaltis, as vezes desnecessários. Esse fato acabou despertando a atenção do repórter Arruda Neto, da Rádio Metropolitana, que resolveu descobrir, porque Manteiga, não corrigia esta deficiência. Logo no início das investigações, Arruda Neto, soube, por um outro jogador do Canto Rio, que Manteiga era viciado em corridas de cavalos, e estava sempre precisando de dinheiro. Vivia pedindo dinheiro emprestado aos colegas de clube. 

Arruda Neto, passou a seguir o jogador e descobriu, que no ponto de jogo do Bicho e corridas de cavalos, Manteiga se encontrava com jogadores e dirigentes de outros clubes que disputavam o Campeonato Carioca. Pra descobrir que Manteiga se vendia foi um pulo.

Arruda Neto, passou a acompanhar os jogos do Canto do Rio, mas precisamente as jogadas de Manteiga dentro da área. Num jogo Bonsucesso x Canto do Rio, no estádio da rua Teixeira de Castro, sua tese foi comprovada, quando num ataque do Bonsucesso, Manteiga se posicionou atras do atacante do Bonsucesso e assim que a bola foi centrada na área do Canto do Rio, Manteiga o empurrou disfarçadamente. O juiz marcou o pênalti e Manteiga, como sempre fazia, partiu brabo pra cima do juiz.

Com a certeza de que Manteiga se vendia, Arruda Neto, não sabia se detonava a bomba e acabava com a carreira do jogador, ou  poderia ser chamado de leviano, por não ter provas concretas da acusação. Amargurado, comentou com seu amigo pessoal, o árbitro Mario Vianna (com dois ‘enes’, como costumava dizer), que prometeu que no primeiro jogo, que apitasse do Canto do Rio, se percebesse alguma manobra de Manteiga, lhe daria uma lição.

Escalado para apitar Olaria x Canto do Rio, na rua Bariri, Mario Vianna, ficou de olho em Manteiga. Num dos ataques do Olaria, Manteiga, disfarçadamente, empurrou o atacante do Olaria, Mario Vianna viu e mandou o jogo seguir. No segundo tempo, Manteiga repetiu a jogada e Mario Vianna, além de mandar seguir, passou perto de Manteiga e disse: “Pode desistir, que não vou marcar pênalti que você cometer. Hoje tu vai devolver a grana do Olaria”. Manteiga, na hora desafiou Mario Vianna.: “Vamos ver se tu não vai marcar”. Na primeira bola centrada na área do Canto do Rio, Manteiga pulou

com o atacante do Olaria e no ar, segurou a bola com as duas mãos. Mario Vianna apitou e Manteiga colocou a bola embaixo do braço e se dirigiu a Mario Vianna, que o expulsou de campo. Manteiga sorriu para Mario Vianna e disse: “Não lhe avisei que você marcaria?” Mario Vianna, pediu a bola e marcou falta do atacante do Olaria. Na súmula escreveu que Manteiga foi

expulso por ter agarrado a bola, depois de ter sido marcada a falta, com o intuito de retardar a cobrança da mesma, ou seja, expulso por tentativa de fazer cera. Manteiga, provavelmente, continuou se vendendo, mas com certeza, não em jogos em que Mario Vianna foi escalado.

Foto da capa: Marcelo Cortes/CR Flamengo

Leave a Reply

Your email address will not be published.