A Food and Drug Administration (FDA), que regulamenta o uso de medicamentos nos Estados Unidos, autorizou no final de semana a aplicação da terceira dose da vacina contra a Covid-19 em pessoas que têm o sistema imunológico debilitado. As vacinas disponíveis são as da Pfizer-BioNTech e da Moderna.

É a primeira vez que as autoridades americanas da área da saúde aprovam a aplicação de dose do reforço do imunizante em parte da população, atitude que está em vigor em alguns países como a Alemanha, França e Israel.

Uma das preocupações das autoridades sanitárias é o avanço da variante Delta e a terceira dose será aplicada em cerca de 3% da população que têm o sistema imunológico debilitado, por motivos como histórico médico em algumas patologias como o câncer e pessoas transplantadas que fazem uso de determinados medicamentos. A decisão ou não de aplicar a terceira dose nestas pessoas será dos médicos que avaliarão a necessidade do reforço da vacina.

A decisão do FDA foi corroborada pelo Centers for Disease Control and Prevention (CDC) que também recomenda a aplicação da terceira dose em pessoas com imunocomprometimento moderado a severo, pois são especialmente vulneráveis ​​ao Covid-19 porque correm maior risco de doenças graves e prolongadas.

A autorização da dose de reforço aprovada pela FDA e recomendada pelo CDC acontece após a divulgação de novas evidências de que a variante delta do coronavírus é capaz de infectar as pessoas que já foram completamente vacinadas, que por sua vez podem transmitir o vírus para outras pessoas.

Para saber em quais locais são aplicadas as vacinas contra a Covid-19 no seu estado, clique aqui e selecione o seu estado no mapa em azul.

O uso da máscara, os hábitos constantes de higienização e a distância social são uma defesa importante contra a propagação da Covid-19.

Vacine-se contra a Covid-19. É um ato de amor à vida.

Jehozadak Pereira

By Jehozadak Pereira

Jehozadak Pereira, é jornalista profissional especializado em jornalismo comunitário e produção de conteúdo informativo e de utilidade pública. É ganhador de inúmeros prêmios e reconhecimentos pela qualidade do seu trabalho comunitário e voluntário. É o editor-chefe e principal articulista do A Notícia USA.

Leave a Reply

Your email address will not be published.