A procuradora federal em Massachusetts, Rachael S. Rollins divulgou no domingo, 24, uma declaração sobre as manifestações de supremacistas brancos mascarados que fizeram uma manifestação contra a comunidade LGBTQ em Jamaica Plain e no 4 de julho pelas ruas de Boston.

No sábado, 22, um grupo de supremacistas brancos protestaram durante um espetáculo teatral LGBTQ em Jamaica Plain e três deles foram presos e fazem parte do National Social Club-131, , um grupo neo-nazista. Em 4 de julho, o grupo supremacista branco Patriot Front desfilou pelas ruas de Boston. O Patriot Front surgiu depois das manifestações supremacistas em Charlottesville em 2017. Tanto o NSC-131, quanto o Patriot Front são considerados pelas autoridades como grupos de ódio.

Confira a íntegra da declaração da procuradora Rachael S. Rollins.
“Cada pessoa merece viver sua vida plena e autenticamente como quem ela é. Mas, se o seu eu autêntico é um fanático que quer prejudicar, humilhar e aterrorizar as pessoas, você não é bem-vindo aqui. Não há hierarquia quanto a quem tem direito a uma vida plena e autêntica. Todos nós somos. Em Boston, Massachusetts, temos uma longa história de resistência ao ódio e à injustiça. Não nos escondemos atrás de máscaras. Quando vemos desigualdade e dano, olhamos o culpado nos olhos e exigimos que pare. Se isso não acontecer, usamos todos os meios à nossa disposição – legislativamente, através dos tribunais e com a organização da comunidade – para acabar com isso. E é exatamente isso que vai acontecer aqui. Se o público tiver alguma informação importante ou preocupante sobre membros de grupos de supremacia branca, pedimos que notifique os departamentos de polícia locais ou um oficial de polícia. Vou anunciar um número dedicado para a comunidade ligar nas próximas semanas. Precisamos expor esses covardes. Como foi mostrado pela rápida resposta da (prefeita de Boston) Michelle Wu e do Departamento de Polícia de Boston neste fim de semana, há uma política de tolerância zero para supremacistas brancos ou qualquer potencial extremista violento com motivação racial em Massachusetts. Como chefe de aplicação da lei federal, estou pronta para empregar tempo e recursos federais para ajudar nossos parceiros estaduais, locais e tribais a efetuar quaisquer prisões e processos”.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *