O Estado de New York e em especial New York City registraram no período que compreende a segunda semana de dezembro até o dia 27, um aumento de quatro vezes as internações pediátricas, de acordo com Mary Bassett, chefe do Departamento of Public Health.

Segundo as autoridades sanitárias, as crianças internadas na rede hospitalar da cidade de New York com a Covid-19, no período compreendido entre o dia 5 de dezembro até a semana passada, nenhuma delas tinha o esquema de imunização completo.

De acordo com um relatório divulgado na segunda-feira, 27, pela American Academy of Pediatrics (AAP) e pela Children’s Hospital Association (CHA) entre os dias 9 e 16 de dezembro cerca de 170 mil crianças testaram positivo para a Covid-19 nos Estados Unidos, um aumento de cerca de 28% em duas semanas.

A governadora do Estado de New York Kathy Hochul, reforçou um apelo aos pais para que vacinem os seus filhos. A partir da segunda-feira, 27, nova-iorquinos com 12 anos ou mais, precisam apresentar comprovante das duas doses da vacina para frequentar restaurantes, academias e locais de entretenimento.

Os Estados Unidos registraram um aumento nos casos de Covid-19, principalmente por causa da variante Ômicron, com uma média de mais de 175 mil novos casos por dia na semana passada, segundo o Centers for Disease Control and Prevention (CDC).

Cerca de 28 milhões de crianças devem ser imunizadas em todo o território americano e a dosagem a ser utilizada para crianças é de um terço da dose que é aplicada em adultos, serão ministradas de duas doses em um intervalo de três semanas.

Para saber onde suas crianças entre 5-12 anos de idade devem a tomar gratuitamente a vacina autorizada pelas autoridades sanitárias no seu estado clique aqui. Para o estado de Massachusetts, clique aqui.

Imagem meramente ilustrativa

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *